segunda-feira, 25 de abril de 2016

25 de Abril a Páscoa Portuguesa

Páscoa é uma palavra de origem hebraica que significa "Passagem", e é associada à saída dos hebreus do Egito pela liderança de Moisés. A Pascoa passou assim a ser a passagem da escravidão para a liberdade, da morte para a vida, deixando de ser um povo oprimido e à mercê dos poderosos, para ser senhor do seu destino.
Podemos usar a revolução do 25 de abril de 1974, como um exemplo de uma passagem ou de uma pascoa portuguesa, em que da ditadura passou-se para a democracia, da guerra colonial para a paz, e do determinismo para a liberdade plena de um povo na escolha dos seus destinos.
No entanto 42 anos depois, há a tentativa de reversão não apenas dos valores, ou dos direitos conquistados, mas da própria essência da democracia, que se perde, pela falta de identificação de uma camada jovem e descontente, e também por imposição de compromissos e de uma agenda voltada para os interesses alheios de fora de Portugal, de multinacionais ou e dos mercados, sem falar do núcleo duro da UE União Europeia.
Que a cada aniversário da revolução dos cravos, não esqueçamos, três datas, fundamentais, a de 1974, a queda do regime fascista, em 1975 as eleições constitucionais e a data de 1976, ano que entrou em vigor a constituição da república, ao mesmo tempo em que se realizaram as primeiras eleições legislativas após a queda do fascismo. Assim urgem que se comemore a passagem e que se continue a passar da ignorância para o conhecimento,  da inércia para uma cidadania ativa, informada, consciente e reivindicadora do seu espaço e dos seus direitos, para que possamos passar de facto da opressão para a liberdade nesta pascoa portuguesa.

Autor Filipe de Freitas Leal


Sobre o Autor


Filipe de Freitas Leal nasceu em Lisboa, em 1964, estudou Serviço Social pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa. Estagiou como Técnico de Intervenção Social numa Instituição vocacionada à reinserção social de ex-reclusos e apoio a famílias em vulnerabilidade social, é blogger desde 2007, de cariz humanista, também dedica-se a outros blogs de temas diversos.

0 comentários :

Enviar um comentário