10 ANOS

Desde julho de 2007 a debater ideias e a defender causas.

terça-feira, 24 de abril de 2012

Grandola Vila Morena – Zeca Afonso

Uma música que à altura estava proscrita, e se” E Depois do Adeus” foi a senha de partida, a música de Zeca Afonso (1929-1987), seria indubitavelmente a segunda senha, com o sinal de que confirmava a Revolução e não haveria retorno possível, e na madrugada de 25 de Abril,  Rádio Renascença e colocaram no Ar a música que seria o Hino da Revolução dos Cravos. Grândola é assim uma homenagem a uma vila alentejana que foi sinal de luta anti-fascista.

Grândola, vila morena
Terra da fraternidade
O povo é quem mais ordena
Dentro de ti, ó cidade

Dentro de ti, ó cidade
O povo é quem mais ordena
Terra da fraternidade
Grândola, vila morena
Em cada esquina um amigo
Em cada rosto igualdade
Grândola, vila morena
Terra da fraternidade

Terra da fraternidade
Grândola, vila morena
Em cada rosto igualdade
O povo é quem mais ordena
À sombra duma azinheira
Que já não sabia a idade
Jurei ter por companheira
Grândola a tua vontade
Grândola a tua vontade
Jurei ter por companheira
À sombra duma azinheira
Que já não sabia a idade


Autor Filipe de Freitas Leal

Sobre o Autor

Filipe de Freitas Leal nasceu em Lisboa, em 1964, estudou Serviço Social pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa. Estagiou como Técnico de Intervenção Social numa Instituição vocacionada à reinserção social de ex-reclusos e apoio a famílias em vulnerabilidade social, é blogger desde 2007, de cariz humanista, também dedica-se a outros blogs de temas diversos.

0 comentários :

Enviar um comentário