10 ANOS

Desde julho de 2007 a debater ideias e a defender causas.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Poema # 19 - A Força dos Versos

A poesia é a minha única arma,
Nos papeis em verso,
Ou nas paredes pintadas,
É a mais bela forma de luta.

E na nossa indignação,
Façamos da poesia o nosso clamor,
Parem agora e oiçam o verso,
Que vos fala doravante de amor.

E Perpetuada em paredes brancas,
Poesia pintada que nos fala destemida,
De um eco, de um grito com fulgor,
Que nos liberta do temor.

Firmemente é mais forte que eu,
Poesia viva, que de mim viveu,
Sendo minha alegria e meu pranto
É também frase de luta e de encanto.



Autor Filipe de Freitas Leal


Sobre o Autor

Filipe de Freitas Leal nasceu em Lisboa, em 1964, estudou Serviço Social pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa. Estagiou como Técnico de Intervenção Social numa Instituição vocacionada à reinserção social de ex-reclusos e apoio a famílias em vulnerabilidade social, é blogger desde 2007, de cariz humanista, também dedica-se a outros blogs de temas diversos.

0 comentários :

Enviar um comentário