10 ANOS

Desde julho de 2007 a debater ideias e a defender causas.

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Hiroshima Nunca Mais

Hiroshima é na história moderna do Século XX, um pesado e doloroso marco, o mundo não seria o mesmo após a Bomba atómica, os seres humanos (os capitalistas e imperialistas) mostraram que colocam os interesses acima das vidas humanas, acima do equilíbrio inclusive do ecossistema planetário, custe o que custar, e ainda hoje assim sucede.
A Bomba foi usada com o argumento de acabar com a guerra e impor a paz... mas que preço tão alto! Quão aviltante é o ato, como a ideia.
Dezenas de bombas Atómicas existem no planeta prontas a ser usadas (se preciso for?) outras tantas já foram usadas em testes no Pacífico, com explosões subterrâneas e subaquáticas, criando provavelmente danos naturais, embora que não sejam oficialmente reconhecidos e nem sequer divulgados (não interessa aos poderosos ter um povo informado).
Chernobyil e Fukushima, são exemplos do que não deve ser construído, Hiroshima e Nagasaki são exemplos do que o ser humano tem coragem de fazer, mas não deve ser feito! E ter consciência cívica e política, faz com que não possamos permitir isto; Hiroshima nunca mais deve ser esquecida, como não devem ser esquecidas as vitimas que sucumbiram aos interesses economicistas e políticos, da guerra fria e de jogos geoestratégicos que não nos interessa compreender, sobretudo porque em cada local do mundo um ser humano é sempre um ser humano, (não há raças, não há cores, as nacionalidades dissipam-se na semelhança física e espiritual de cada um de nós) mas sim, há pessoas em toda a parte iguais entre si na dignidade e no direito à vida, pessoas que nascem, vivem, amam e têm o direito de viver e morrer em dignidade e em equilíbrio com o mundo em que vivem.

0 comentários :

Enviar um comentário